Go Down

Topic: Sensor de corrente(programação) (Read 9496 times) previous topic - next topic

zurgbr


Com os 5 do arduino
Não está correto??


no site ele diz que tensão de operação[font=Verdana] é de 8 a 12 v[/font]
cuidado pra não exeder a corrente de entrada na porta do arduino..
se vc tiver um amperimetro pra medir essa corrente antes de acoplar no arduino, seria muito bom..
nao tou conseguindo ver o datasheet.

wilsonalves

Agora alimentei-o a 3.3Volts e os valores baixaram para 485,486,487.
Mantenho nos 3.3 ou 5 Volts o que acham?

wilsonalves

Alimentei o sensor a 3.3 volts e realmente os valores reduziram para 485,486,487.
Mantenho a 5 Volts ou passo para 3.3Volts?
O que acham?

zurgbr


Alimentei o sensor a 3.3 volts e realmente os valores reduziram para 485,486,487.
Mantenho a 5 Volts ou passo para 3.3Volts?
O que acham?

Product Specifications
Product Type    Inductive Analog Current Sensor
Sensed Current Type    ac or dc
Sensed Current Range    ±100 A
Package Type    PCB Bottom Mount
Output Type    Voltage
Sensitivity    29.7 mV N* ±2.7 mV N* @ 12 Vdc
Supply Current    19 mA max.
Offset Voltage    Vcc/2 ±10 %
Supply Voltage    8.0 Vdc to 16.0 Vdc
Offset Shift    ±0.05
Response Time    3 µs
Operating Temperature    -25 °C to 85 °C [-13 °F to 185 °F]
Storage Temperature    -40 °C to 100°C [-40 °F to 212 °F]
Housing Material    PBT Polyester
Mounting    PCB on 3 Pins
Pinout Style    3 Pin
Availability    Global
Comment    * N = Number of Turns
UNSPSC Code    411121
UNSPSC Commodity    411121 Transducers
Series Name    CSLA

wilsonalves

Então quer dizer que o tenho de alimentar a 8 Volts e depois sim converter??

zurgbr

#20
Jul 11, 2013, 05:18 pm Last Edit: Jul 11, 2013, 05:42 pm by zurgbr Reason: 1
alimenta com uma voltagem nessa faixa.
depois mede o sinal com o voltimetro, e ver o que ele acusa..
pois se vc apricar mais que 5v na porta do seu arduino, ele vai queimar..
posta ai os resultados.
http://www.youtube.com/watch?v=XkzRabGOAMo

zurgbr

#21
Jul 11, 2013, 06:00 pm Last Edit: Jul 11, 2013, 06:33 pm by zurgbr Reason: 1
da uma olhada nesses links
http://openenergymonitor.org/emon/buildingblocks/how-to-build-an-arduino-energy-monitor-measuring-current-only

http://playground.arduino.cc/Code/HallEffect
http://forum.arduino.cc/index.php/topic,14651.0.html
http://www.bristolwatch.com/hall_effect/ac_hall_effect.htm
www.vwlowen.co.uk/arduino/current/current.htm
http://openenergymonitor.blogspot.com.br/2009/09/experiments-with-hall-effect-current.html
http://openenergymonitor.blogspot.com.br/2009/09/hall-effect-sensor-circuit-diagram.html
esse é bem didatico
http://scienceshareware.com/how-to-measure-AC-DC-current-with-a-hall-effect-clamp-.htm

wilsonalves

A tensão de saida do sensor aumenta consoante a corrente que ele mede ou seja tenho de limitar a tensão de forma a que quando ele estiver a medir 100 ou mais volts não ultrapasse os 5 de saída para não queimar o  arduino!!
Estou a pensar fornecer ao sensor 8 volts Só tenho mesmo esta situação de limitar a tensão de saída.

zurgbr

pelo que entendi, essa voltagem é alguns milivolts..
então antes de meter no arduino, certifique q fez a ligação correta, e merça com um voltimetro primeiro..
só pra garantir..

e lembrando que esse sensor deve ser colocado na fase do sitema, em apenas um fio..

wilsonalves

Sim mas eu alimentei o sensor com 8 volts e automaticamente ele teve logo 4 de saida(sem fio nenhum a passar por sentro), depois pus um carregador de baterias a carregar a bateria e a tensão de saída aumentou mais ainda, daí ter de fazer um divisor de tensão antes de entrar no arduino.
Sim tenho colocado sempre na fase.
Cumprimentos

wilsonalves

Estou com uma questão complicada em mãos, em relação á programação para conseguir ter os valores certos em(A) no Arduino vou tentar estruturar mais ou menos as ideias para que percebam:
A tensão inicial ao sensor vai ser de 8 V onde ele depois divide por 2 (Offset Voltage    Vcc/2 ±10 %) =4Volts.
De qualquer forma teremos de aplicar um divisor de tensão para metade de forma a que no arduino nunca sejam ultrupassados 5 Volts ou seja vamos trabalhar com 2 volts à entrada do Arduino.
Visto que a saída do sensor é em tensão
1A corresponde a 29.7mV para 4 Volts então 1A corresponde a 14.85mV.
E depois ainda tenho de converter isto tudo para o arduino... :~
Alguém tem alguma sugestão da programação disto poara conseguir ter os amperes certinhos???

bubulindo

Não...

1A corresponde a 29,7mV
100A corresponderá a 2,97V

Os 4V de offset são, julgo eu, para poderes ter uma medição de correntes negativas então o sensor dará (em principio) uma saída desde 1.03V até 6,97V. (-100 a 100)
Tu vais ter correntes positivas sempre?

O datasheet refere a saída do sensor com 12V. Se o alimentares com 8V, o valor de 29,7 está errado e tu não sabes qual é o valor correcto. Terias então de medir e calcular tu qual é a sensibilidade do sensor. Isso seria possível com uma pinça de corrente e várias cargas... mas podes não ter uma à mão para o fazer. Se tiveres 12V, é tudo mais simples.

Porque é que não colocas um amplificador operacional? Se tiveres sempre correntes positivas, podes colocar um amplificador operacional e remover 4V ao sinal de entrada. Assim terias de implementar um ganho de 5/2,97 no amplificador operacional e ficavas com o máximo de precisão no teu AD.



Eu não sou o teu criado. Se respondo no fórum é para ajudar todos mediante a minha disponibilidade e disposição. Responder por mensagem pessoal iria contra o propósito do fórum e por isso evito-o.
Se realmente pretendes que eu te ajude por mensagem pessoal, então podemos chegar a um acordo e contrato onde me pagas pela ajuda que eu fornecer e poderás então definir os termos de confidencialidade do meu serviço. De forma contrária toda e qualquer ajuda que eu der tem de ser visível a todos os participantes do fórum (será boa ideia, veres o significado da palavra fórum).
Nota também que eu não me responsabilizo por parvoíces escritas neste espaço pelo que se vais seguir algo dito por mim, entende que o farás por tua conta e risco.

Dito isto, mensagens pessoais só se forem pessoais, ou seja, se já interagimos de alguma forma no passado ou se me pretendes convidar para uma churrascada com cerveja (paga por ti, obviamente).

wilsonalves

Boas pessoal
Fiz uma regra 3 Simples em que 12V dão para 29.7mV e 8 á para X
X=19.8mV. Depois como vou utilizar um divisor de tensão para metade fiz 19.8mV:2=9.4mV
Ou seja a cada 9.4mV vai corresponder 1A
A tensão de saída do sensor vão ser 2 Volts, pois estamos a alimentá-lo a 8 Volts mas o seu offset vai reduzir para metade (4) e com o divisor de tensão vão ser os 2.
Vamos assumir que os nossos 2 volts são 0 depois, cada 9.4 mV vãi ser 1 A.
Vou Medir correntes positivas e negativas.

Gostava de vos perguntar se concordam com esta teoria ou se mudariam alguma coisa.
Gostava também que me dessem umas dicas de como se faz a programação deste sensor pois ainda vou ter de fazer a conversão para o arduino com os 1024.
Estou um bocado à nora de como vou programar este sensor
Pedia-vos ajuda se possivel.
Bubulindo mostrei a sua mensagem ao meu superior e ele disse-e que a melhor forma seria como descrevi em cima (do que eu percebi), pedia-lhe a si também ajuda visto que é um expert no mundo arduino!!!  :P

Cumprimentos
Wilson Alves

bubulindo

Eu não concordo com essa aproximação...

A saída do sensor são 2V (offset) mais o sinal de corrente (no teu caso +/- 9,4mV * 100 = 0,94V).

Então supostamente vais estar a medir tensões de 1 a 3V. O Arduino tem 10 bits, então divide os 5V entre 0 e 1024.

Isto dá-te 5/1024 = 4,88mV... até aqui parece porreiro... conseguirias medir sensívelmente de meio em meio ampére. Mas, como acontece muitas vezes, o último bit tem ruído... e como tal, o que acontece é mesmo uma diminuição do número efectivo de bits. Se formos tirar esse bit, ficas com 9. 2^9 = 512.

5/512 = 9,76mV. Aqui então só vais mesmo medir de Ampére em Ampére. Isso chega-te?

Se fizesses um interface com um Amp-op podias jogar com o ganho e offset... permitindo-te ter uma precisão de

200A/1024 = 195mA

Se tivesses problemas com ruído e só usasses 512 valores:

200/512 = 390mA.

Mas isto depende de aplicação para aplicação. Do meu ponto de vista, acho que é preferível gastar um pouco mais de tempo e fazer um amplificador decente já que o ganho de qualidade é evidente. Mas se não achas que valha a pena, tu é que sabes. Eu não sei qual é a aplicação final.

Outra coisa a reter é que um amp-op conseguiria oferecer alguma protecção ao teu sistema.

Outra coisa que podes ver é isolar opticamente ambos os lados. Terás de ter em atenção o tempo de resposta do isolador óptico (para não detorpar a forma de onda), mas podes fazer este ajuste de ganho e isolar os sinais com apenas um componente.

Eu não sou o teu criado. Se respondo no fórum é para ajudar todos mediante a minha disponibilidade e disposição. Responder por mensagem pessoal iria contra o propósito do fórum e por isso evito-o.
Se realmente pretendes que eu te ajude por mensagem pessoal, então podemos chegar a um acordo e contrato onde me pagas pela ajuda que eu fornecer e poderás então definir os termos de confidencialidade do meu serviço. De forma contrária toda e qualquer ajuda que eu der tem de ser visível a todos os participantes do fórum (será boa ideia, veres o significado da palavra fórum).
Nota também que eu não me responsabilizo por parvoíces escritas neste espaço pelo que se vais seguir algo dito por mim, entende que o farás por tua conta e risco.

Dito isto, mensagens pessoais só se forem pessoais, ou seja, se já interagimos de alguma forma no passado ou se me pretendes convidar para uma churrascada com cerveja (paga por ti, obviamente).

wilsonalves

Falei com o meu superior e realmente podemos medir de amper em amper.
Podia dar me um exemplo de como fazer a programação deste sensor não estou mesmo a ter sucesso na sua programação.

Cumprimentos

Go Up