Pages: [1]   Go Down
Author Topic: Iniciante mesmo  (Read 1126 times)
0 Members and 1 Guest are viewing this topic.
Rio de Janeiro
Offline Offline
Newbie
*
Karma: 0
Posts: 5
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

Amigos,

comprei para meu filho Guilherme o Arduino Kit Iniciante. Não comprei a placa Arduino porque entendi que a mesma não seria necessária.
Nossa frustração é enorme porque vi que tudo que é sugerido construir envolve programação, o que eu acho que neste estágio é absurdo.
No entanto verifico, a hipótese é minha, que poderia montar com ele, sem usar programação, os módulos se conseguisse uma fonte de alimentação para a protoboard.
Alguém poderia nos ajudar sugerindo que fonte usar? AAA, AA, quantidade de baterias, em série ou em paralelo? Voltagem?

Obrigado de ante mão,

João Batista e Guilherme
Logged

Gui

Offline Offline
God Member
*****
Karma: 12
Posts: 508
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

Desculpe-me, mas esta muito vago o que pretendes...

Antes de pensar e alimentar algo é necessário saberes o que aquilo que desejas alimentar precisa em termos de tensão (volts) e corrente (amperes).

Sobre qual kit te referes? Qual a idade de teu filho?

É possível fazer um led brilhar apenas alimentando-o (usando uma bateria, um push button e um transistor resistor), mas perceba que é necessários saber se a tensão que aplicar em combinação com o resistor será suficiente para o led, se não o impedirá de brilhar ou se não irá queimá-lo. Ou seja, para fazeres qualquer coisa é necessário um mínimo de conhecimentos, que pode-mos chamar de pré-requisitos.

Edit: Aconselho que inicie por eletrônica básica.
« Last Edit: September 16, 2013, 06:39:14 am by Mortis » Logged

Brasília - DF - Brazil
Offline Offline
Full Member
***
Karma: 3
Posts: 226
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

João, arduino é brinquedo de adulto! smiley

Brincadeiras a parte, realmente tudo envolve programação. Mas é fácil começar e entender.

O Renato Aloi tem video aula em português no Youtube: http://www.youtube.com/user/graccula

Para iniciar as crianças na programação tem o Scratch: http://seaside.citilab.eu/scratch/arduino

Estou com vontade de iniciar os meus filhotes na eletrônica e programação também. Até comprei umas servos e motores pra fazermos uns robôs.

Logged

Offline Offline
God Member
*****
Karma: 12
Posts: 508
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

João, arduino é brinquedo de adulto! smiley

Eu sou programador a muitos anos (VB e C#) e ainda sofro com muitos conceitos em C/C++  smiley-evil

Sem falar que nada se faz com segurança sem conhecimentos básicos sobre eletrônica, muitos queimam portas do arduino por ligar motores diretamente nos pinos digitais, queimam motores por aplicar correntes maiores que as máximas, queimam drivers, componentes, etc.

Só fica mais fácil se sempre usar shields e kits com instruções, sem ter de recorrer a datasheets, especificações, etc.

Mas com estudo e cuidado se chega longe smiley-wink
Logged

Rio de Janeiro
Offline Offline
Newbie
*
Karma: 0
Posts: 5
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

Obrigado a todos vocês que deram replay à minha mensagem.

Sei que eletrônica é brinquedo de adultos e tudo que eu queria fazer, já que o sonho do Guilherme, 10 anos, é montar um robô, era fazer o básico com ele.
Montar umas besteirinhas sem ter de programar.
Eu imaginava que a protoboard permitisse isso e que todos os módulos seriam coisas simples e que vão se sofisticando aos poucos.
Por exemplo: se monto com meu filho o módulo 1 sem programação ele vai entender o que acontece quando ele liga e desliga o interruptor de casa de uma forma diferente.
Foi por isso que eu perguntei se alguém teria idéia de como eu poderia criar uma alimentação à bateria de forma que eu pudesse com ele ir brincando.
Vi no manual que uma das conexões da placa UNO ao sistema montado na protoboard indica 5V. É isso mesmo?.

Obrigado,
Logged

Gui

'round the world...
Online Online
Faraday Member
**
Karma: 41
Posts: 3107
View Profile
WWW
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

Viva,

É de valorizar essa iniciativa de ensinar electricidade ao teu filho. Quanto ao robot, infelizmente, fazer algo interessante sem programação não é simples. Mas se o interesse é começar pelo básico para que ele use isso na construção do robot, então estás no bom caminho.

A porta USB do computador fornece 5V que por sua vez são usados para o arduino ter um interface com o mundo exterior. Então, sim, as ligações são de 5V.

Já explicaste a lei de Ohm?
Logged

Eu não sou o teu criado. Se respondo no fórum é para ajudar todos mediante a minha disponibilidade e disposição. Responder por mensagem pessoal iria contra o propósito do fórum e por isso evito-o.
Se realmente pretendes que eu te ajude por mensagem pessoal, então podemos chegar a um acordo e contrato onde me pagas pela ajuda que eu fornecer e poderás então definir os termos de confidencialidade do meu serviço. De forma contrária toda e qualquer ajuda que eu der tem de ser visível a todos os participantes do fórum (será boa ideia, veres o significado da palavra fórum).
Nota também que eu não me responsabilizo por parvoíces escritas neste espaço pelo que se vais seguir algo dito por mim, entende que o farás por tua conta e risco.

Dito isto, mensagens pessoais só se forem pessoais, ou seja, se já interagimos de alguma forma no passado ou se me pretendes convidar para uma churrascada com cerveja (paga por ti, obviamente).

Offline Offline
God Member
*****
Karma: 12
Posts: 508
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

Foi por isso que eu perguntei se alguém teria idéia de como eu poderia criar uma alimentação à bateria de forma que eu pudesse com ele ir brincando.
Vi no manual que uma das conexões da placa UNO ao sistema montado na protoboard indica 5V. É isso mesmo?.

GuiCDMB,

O arduino pode ser alimentado com 5v (Conexão USB ou Pino 5v) ou pelo "plug" com 7v até 12v.

Os módulos feitos para o arduino normalmente são alimentados pelos 5v do arduino (quando usa uma bateria de 9v, por exemplo, um regulador de tensão se encarrega de reduzir a tensão para 5v), mas também existem módulos que são alimentador com 3.3 volts (outro regulador existente no arduino).

Para sabermos como alimentar e se é necessário ou não programação, precisamos saber sobre o(s) módulo(s).

Algumas coisas você consegue fazer só com eletrônica, mas é necessário saber um pouco de eletrônica e seus componentes, no mínimo sobre corrente, tensão e resistências (a lei de Ohm, como sugeriu o bubulindo).

Estude junto com o garoto, naveguem bastante pela internet, 10 anos é uma idade em que se absorve muita informação com muita facilidade. (saudades kkkk)
Logged

Rio de Janeiro
Offline Offline
Newbie
*
Karma: 0
Posts: 5
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

É o problema é que eu sei eletricidade (dos meus tempos de criança, em que eu provocava curtos circuitos brincando, e depois tinha de ir na rua comprar fusível para trocar). Depois disso aprendi um pouco mais na física do ginásio/científico (é eu tenho estrada) ... e parei aí.
Sobre a lei de Ohm, comecei a explicar falando da dificuldade de andar contra o vento (resistência) e ia acabar usando o fluxo de água para mostrar o lado concreto.Para terminar construiria no arduino uma ponte de Wheatstone, usando uma lâmpada ou LED como voltímetro.

O Robô? Esse eu vou deixar para bem tarde... quem sabe ele não monta sózinho ou com os colegas do colégio ou faculdade? (rs)

Ah, sobre programação... Quem tem filhos e acha que eles estão aptos a aprender a programar sugiro experimentar o BYOB (Build Your Own Blocks (http://byob.berkeley.edu/)
É muiiiito menos complicado que qualquer linguagem que possamos expô-los. E vai ser uma mão na roda na hora em que eles quiserem dar o pulo para C e etc.
Guilherme curtiu e fez um fantasma voar. Mas temos de criar projetos para eles fazerem... não se empurra um barbante.

Abraços e obrigado,

João
Logged

Gui

Rio de Janeiro
Offline Offline
Newbie
*
Karma: 0
Posts: 5
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

Voltando ao tópico programação.
Descobri que o Arduíno suporta programação usando o Scratch que é a mesma coisa que o BYOB que comentei anteriormente.
Com isso você pode, com a ajuda de seu filho, programar os módulos sugeridos.

Logged

Gui

Brasília - DF - Brazil
Offline Offline
Full Member
***
Karma: 3
Posts: 226
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

Foi o link que passei acima! smiley

Logged

Rio de Janeiro
Offline Offline
Newbie
*
Karma: 0
Posts: 5
View Profile
 Bigger Bigger  Smaller Smaller  Reset Reset

Legal, Lago!

Estou pensando em começar construindo uma Bomba Relógio para ele! (rs)

Abraços,

João
Logged

Gui

Pages: [1]   Go Up
Jump to: