Corrente máxima na alimentação do Arduino

Olá
Estou com uma dúvida simples porem não encontrei resposta.
Possuo uma fonte de 12v e 2A , posso usa-la para alimentar o Arduíno UNO?E se essa corrente se alterar quando outro dispositivo for ativado , tem algum problema?

Desde que nao passe os 2A de corrente consumida, nao teras problema...

Isto é uma dúvida bem comum. O que está na etiqueta da fonte é (ou deveria ser) a corrente máxima que ela pode fornecer. Na realidade, a corrente que circula depende do circuito, e não da fonte. Se ligarmos somente um resistor e um led a sua fonte de 2A, a correte que circula é de 10mA, suficiente para acender o led.

Pode ligar seu arduino na bateria do carro se quiser, sem risco de queimá-lo.

Lago:
Se ligarmos somente um resistor e um led a sua fonte de 2A, a correte que circula é de 10mA, suficiente para acender o led.

Esqueceste-te de dizer que precisarias duma resistencia de 11.3k para teres 10mA a correr pelo circuito... assumindo uma queda de 0.7V no LED.

Nao leves a mal a correccao, mas a forma como escreveste da a entender que qualquer resistencia servira, quando na realidade o valor da resistencia e o que regula a corrente que vai passar no circuito. Dai que a resistencia seja chamada de limitador de corrente quando usada desta forma.

Galera.

Existem 3 formas simples para calcular a corrente.
I = V / R
I = P / V
I = √¯ P / R

Onde:
I = Corrente
V = Tensão
R = Resistência
√¯ = Simbolo de raiz quadrada*

Você também pode colocar o amperímetro em série com o circuito para medir a corrente que passa nele.
Com muita atenção pois existem correntes alternadas e contínua (no caso do arduino somente contínua).

Pode calcular a corrente do arduino ligado sem nenhum dispositivo conectado, depois calcular a corrente de cada porta utilizada e somar os valores de todas as correntes.

Espero ter ajudado!